quarta-feira, 31 de março de 2010

AMIGOS D'ARTE- Pintura


Cristo Crucificado
PALERA

Terceira pintura de Cristo em semana de comemoração da Páscoa, morte de Cristo na cruz. Este desenho tem vários pormenores curiosos, destacando-se no lado esquerdo de Cristo uma pomba e no lado direito um OVNI (objecto voador não identificado). Para o solo escorrem pingos de sangue das feridas de Cristo que fazem desabrochar uma flor, como se do começo de uma nova vida se tratasse. Mais ao fundo são visíveis duas árvores, talvez uma delas simbolizando a traição de Judas e do lado esquerdo ciprestes que poderão significar a morte. A pomba anuncia a ressurreição e o OVNI a vida para além do nosso entendimento. É claro que esta leitura é pura ficção por não se encontrar qualquer nota explicativa sobre o quadro. Só João Paulo o saberá...

PÁSCOA FELIZ

Acalmia?...

A vida que decorre
Será
agora de mudança
Neste
tempo de acalmia?...
Um
amor quando morre,
Parte
sempre com esperança
De
viver um outro dia!

Sonho
lindo, quase perfeito,
Em
tempos quase sonhado...
Ainda
lembro esse encanto?!
De
tanto quase desfeito…
Tão
lindo… quase findado,
Vou lembrando entretanto!?

No
meu corpo adormeço
Para
um novo começo!?...
Será
que mereço?

Matias José (22.05.2008)

6 comentários:

Anónimo disse...

Pintura e Poesia EXCELENTES!!!

Muito obrigada.

Uma Alandroalense.

Anónimo disse...

Só para chatear um anónimo que escreveu um comentário no Alandroalandia muito incomodado com o facto do blogue poet'anarquista usar o nome "Camões" como usurário: Grande "Camões", amigo Carlos Alberto Biga "Camões" Galhardas, que tão boa poesia escreves e pinturas lindas nos mostras. Ou também amigo Matias José, igualmente POETA e a quem todos conhecemos por Cabé. Para os amigos mais chegados, como é o meu caso, também alcunhado de Dragão. Este ano falou mais alto o vôo da Águia... Viva o Glorioso SLB!!!

Ambos sabemos quem eu sou...

Anónimo disse...

Saí do Alandroal há 39 anos, e,
como tal, o POETA era ainda um
"menino" que era conhecido pelo
nome de Cabé.Recordo-me perfeita-
mente de toda a família tanto paterna, como materna. À excepção
dos pais, nunca mais vi ninguém da
família. Há pouco tempo tive então
o grato prazer de encontrar a irmã
Gracinha, com a qual tive uma sim-
pática conversa e recordá-mos então
pessoas e coisas bonitas da nossa
Terra.
Reforçando o meu comentário do pas-
sado dia 1, das 02:29, acrescento ainda que me prezo de ter bom gosto, e como tal, dou valor e elogio aquilo de que gosto e que
merece ser elogiado, sem que para isso tenha que pedir licença seja a quem for!!!
OS POEMAS E PINTURAS, ASSIM COMO
TODAS SA FORMAS DE ARTE QUE AQUI TÊM SIDO APRESENTADAS, SÃO DE MUITA
QUALIDADE!!!

O meu obrigada a todos que têm
dado tão valioso contributo!!!


Uma Alandroalense.

Camões disse...

Cara Alandroalense:

Fiquei muito grato pela sua visita ao blogue e pelas palavras expressas no seu comentário. Espero que volte sempre e uma boa Páscoa para si e para os seus.

Cabé

Anónimo disse...

Gostei muito do desenho, da forma de interpretar o mesmo e da poesia.
Boa Páscoa para Matias José!

Maria

Anónimo disse...

Desejo também ao POETA uma Santa
Páscoa, assim como para toda a
Família.

Uma Alandroalense justiceira.