sábado, 9 de abril de 2016

DÉCIMA

Ansiedade da Espera
Nelson Cardoso

ANSIEDADE DA ESPERA

Hoje é dia dos tais
Não sai nada de jeito…
Sinto aperto no peito,
Só ouço os meus ais.
Começa a ser demais
Saber que me espera,
Surge na Primavera
A maldita desgraça…
Por mais que eu faça,
O coração desespera.

Matias José

1 comentário:

Anónimo disse...


Belíssima Descrição dum Estado D'Alma que também conheço !!!...

Grata !

Uma Alandroalense (Liva)