segunda-feira, 16 de maio de 2016

MÚSICAS DO MUNDO

E a música de hoje é...
(Escolha musical da blogosfera)

MERCEDES SOSA & JOAN BAEZ 
«Gracias a la Vida»

Poet'anarquista

GRAÇAS À VIDA

Graças à vida que me deu tanto
Me deu dois olhos que quando os abro
Perfeitamente distingo o preto do branco
E no alto céu seu fundo estrelado
E nas multidões o homem que eu amo

Graças à vida que me deu tanto
Me deu o ouvido que em todo seu alcance
Grava noite e dia grilos e canários
Martelos, turbinas, latidos, aguaceiros
E a voz tão terna de meu bem amado

Graças à vida que me deu tanto
Me deu o som e o abecedário
Com ele, as palavras que penso e declaro
Mãe, amigo, irmão
E luz clareando o caminho da alma de quem estou amando

Graças à vida que me deu tanto
Tem me dado o ritmo de meus pés cansados
Com eles andei nas cidades e nos charcos
Praias e desertos, montanhas e planícies
E a sua casa, sua rua e seu pátio

Graças à vida que me deu tanto
Me deu o coração que agita seu marco
Quando olho o fruto do cérebro humano
Quando olho o bom tão longe do mal
Quando olho o fundo de seus olhos claros

Graças à vida que me deu tanto
Tem me dado o riso e me dado o pranto
Assim eu distingo alegria da aflição
Os dois materiais que formam meu canto
E o canto de vocês que é o mesmo canto
E o canto de todos que é meu próprio canto

Graças à vida, graças à vida

Mercedes Sosa & Joan Baez
Cantoras Argentina e Norte-Americana

1 comentário:

Anónimo disse...


DUAS GRANDES SENHORAS DA MÚSICA, BELÍSSIMAS VOZES !

ACTIVISTAS POLÍTICAS, QUE LUTARAM AFINCADAMENTE PELOS DIREITOS HUMANOS, PONDO EM RISCO A SUA PRÓPRIA VIDA, AINDA ASSIM NUNCA DESISTIRAM DE LUTAR !

Sua preocupação Sociopolítica reflectia-se nos Repertórios que
interpretavam, sempre contra o Consumismo e as Desigualdades Sociais !

MERCEDES SOSA, falecida em 2009, ficou conhecida como a VOZ dos "SEM VOZ".


Muito Obrigada por mais esta Gentileza, Caro Conterrâneo !

Uma Alandroalense (Liva)