terça-feira, 13 de outubro de 2015

OUTROS CONTOS

«Escrita Móvel», conto poético por Matias José.

Avaria no PC
O Poet'anarquista segue dentro de momentos...

641- «ESCRITA MÓVEL»

Escrevo em directo...
Um pouco desalinhado,
Com o PC avariado
Sinto-me incompleto.
O dedo bate incerto
Na tecla sensível,
Faço o impossível
Pra ver se não erro...
A máquina deu o berro,
Ninguém é infalível!

Matias José

2 comentários:

Rogerio G. V. Pereira disse...

Vá lá fico à espera

Ninguém é infalível
nem... invisível

Camões disse...

Indesmentível!